Engenharia Aeroespacial
  • Engenharia Aeroespacial

    Publicado em 11/10/2013 às 10:55

    Engenharia Aeroespacial

    Dados gerais:

    Vagas Anuais: 50 – (25 por semestre)

    Turno de funcionamento: integral
    Carga horária total (horas-aula): 4832
    Carga horária total (h): 4035
    Duração do curso:
    Máxima: 18 semestres

    Perfil do egresso:

    O Engenheiro Aeroespacial formado no CEM possuirá amplos conhecimentos de física, química, matemática, computação, e conceitos fundamentais de engenharia. Será capaz de utilizá-los no desenvolvimento e avaliação de sistemas associados a veículos aeroespaciais, assim como no desenvolvimento de plataformas orbitais para diversas finalidades. Entre os sistemas com os quais poderá se envolver encontram-se: sistemas de propulsão, mecânico, energia, controle e navegação. Terá formação, ainda, para atuar na área de estruturas e materiais especiais utilizados nos sistemas, assim como em aerodinâmica e controle de temperatura de veículos aeroespaciais e plataformas orbitais.

    O Engenheiro Aeroespacial é um profissional com formação multidisciplinar apto a atuar em modelagem matemática, controle, projeto, análise, construção e testes de sistemas no setor aeroespacial. Pode trabalhar na área de pesquisa em universidades e institutos de pesquisa ou em qualquer empresa que presta serviços ao setor mecânico, aeroespacial, além de forma autônoma. O egresso do curso de Engenharia Aeroespacial terá conhecimentos e habilidades para:

    • Desenhar e conduzir experimentos, assim como interpretar dados;
    • Projetar um sistema aeroespacial, componente ou processo para satisfazer objetivos específicos dentro de restrições realistas de natureza variada, tais como: econômicas, ambientais, sociais, políticas, éticas, de saúde e segurança, manufaturabilidade e sustentabilidade;
    • Identificar, formular e resolver problemas de engenharia aeroespacial;
    • Compreender o impacto de soluções de engenharia dentro de um contexto global, econômico, ambiental e social;
    • Conhecimento de problemas atuais em engenharia aeroespacial; 
    • Usar técnicas e ferramentas modernas de engenharia para a prática de engenharia aeroespacial.